Em Destaque

O crime compensa: diverte-te com os criminosos mais estilosos de sempre

29 Março 2019

Além da excitação, do suspense e da ação, se há coisa que nos cativa sempre nos filmes de crime é a figura do ladrão, do assassino, enfim, do criminoso. E quando essa figura é particularmente elegante, bem vestida e bem-falante, o fascínio torna-se ainda maior. Não há nenhum de nós que não tenha já querido ser o assaltante de bancos intrépido e charmoso, ou o vigarista de falinhas mansas e fatos de alfaiate. Principalmente porque, normalmente, andam sempre muito bem vestidos. Conhece os nossos ladrões de casaca favoritos.

 

A Pantera Cor-de-Rosa (1963)

Cena do filme A Pantera Cor de Rosa

Fonte da imagem

Hoje em dia a Pantera Cor-de-Rosa é uma figura conhecida de todos, mas sabias que, no primeiro filme, é um diamante enorme que está na mira de um ladrão, conhecido como o Fantasma? Tudo começa com o Detetive Clouseau, um desastrado que tenta proteger um dos diamantes mais raros do mundo de um ladrão… que afinal são dois… que, se calhar, são três. Mas o que interessa para o caso é que a A Pantera Cor-de-Rosa é um dos filmes de crime mais estilosos de sempre. Yves Saint-Laurent desenhou os vestidos icónicos usados por Capucine e Claudia Cardinale (duas musas da moda), dando uma dimensão fantástica aos cenários. E os homens também não ficaram nada mal servidos: os seus guarda-roupas são o sonho de qualquer dândi.

 

Charada (1963)

Cena do filme Charada

Fonte da imagem

1963 foi um bom ano para o cinema e para a moda. Enquanto Saint-Laurent tratava de A Pantera Cor-de-Rosa, Givenchy trabalhava em Charada, interpretado pelos icónicos Cary Grant e Audrey Hepburn. Quando chega a casa e percebe que o marido morreu, Reggie Lampert descobre que há alguém que quer roubar o dinheiro que ele deixou. Quando esse alguém se multiplica em várias pessoas, vai contar com a ajuda de “Peter Joshua”, um homem que acabou de conhecer e que entra na sua vida demasiado depressa… talvez. Filmado em Paris e com uma estética muito própria, Charada é um espetáculo visual tão incrível que muitos lhe chamam o melhor filme de Hitchcock que Hitchcock nunca realizou (foi realizado por Stanley Donen). Entre os chapéus redondos que tão bem ficavam a Audrey, aos fatos de cores primárias e aos padrões de leopardo, este filme tem um guarda-roupa que deixa qualquer um de nós saudosista pelos anos 60, mesmo que nunca os tenhamos vivido.

 

Um Peixe Chamado Wanda (1988)

Cena do filme Um Peixe Chamado Wanda

Fonte da imagem

Intrigas, crime, traições e um assalto monumental a um banco. Um Peixe Chamado Wanda tem isto tudo e muito mais, nomeadamente as atuações hilariantes de Jamie Lee Curtis, John Cleese e Kevin Kline. Um trio de ladrões planeia o seu útlimo golpe, que lhes vai permitir viver em glória o resto das suas vidas. Mas Wanda, a sedutora do grupo, tem planos muito mais específicos para o seu futuro, que não implicam nenhum dos seus cúmplices. Uma comédia de crime como há poucas, Um Peixe Chamado Wanda tem um guarda-roupa invejável, principalmente na personagem de Wanda, interpretada por Curtis.  Foi desenhado por Hazel Pethig, que já tinha trabalhado antes com John Cleese em produções dos Monthy Python, e que terá escolhido o icónico vestido preto usado por Wanda.

 

Apanha-me Se Puderes (2002)

Cena do filme Apanhame Se Puderes

Fonte da imagem

Com Leonardo DiCaprio e Tom Hanks no papel de vigarista e de investigador do FBI, Apanha-me Se Puderes é um divertido e elegante filme de perseguição. DiCaprio é Frank Abagnale Jr., um jovem que desde a adolescência começa a criar esquemas fraudulentos para conseguir ter uma vida de sonho. Mas quando Carl Hanratty entra na investigação, vai ter de ser muito mais esperto que o agente. As roupas foram desenhadas por Jeannine Oppewall e Mary Zophres, que pensaram no uso de cor como uma forma de contar a história. À medida que Frank fica mais audaz nas suas vigarices, mais colorido e excêntrico se torna o seu guarda-roupa.

 

Ladrões Com Estilo (2012)

Cena do filme Ladroes com Estilo

Fonte da imagem

Harry Deane, um curador de arte, cujo chefe é um homem horrível, pretende vingar-se e fazê-lo comprar um Monet falso. Isto é tudo um excelente plano, mas, para o conseguir, vai ter de recrutar a ajuda de uma rainha de rodeo, PJ Puznowski, uma mulher que não podia estar mais longe do seu mundo sofisticado e intelectual. Este golpe criminoso vai correr de mal a pior, claro, mas o que é que isso interessa quando se pode falhar em roupas incríveis? Ladrões Com Estilo, tal como o nome indica, tem um guarda-roupa invejável, entre os elegantes fatos de Harry Deane, as roupas excêntricas de Lionel Shabandar e as peças pirosas e divertidas de PJ Puznowski. Desenhado por Jenny Beavan, que já ganhou dois OSCARS™ pelo seu trabalho em Quarto com Vista Sobre a Cidade (1985) e Mad Max: Estrada da Fúria (2015), expressa bem as diferenças hilariantes entre as personagens principais.

 

 

  • Ladrões Com Estilo / 31 domingo, 22:00

Se gostas de dramas vais adorar os filmes que vamos estrear este mês

Não há nada melhor do que ficar no sofá à noite, a ver um filme que trata daquelas questões que são maiores que a vida. Por isso espreita as nossas quatro sugestões, de realizadores tão díspares como Tim Burton ou J. C. Chandor.

29/3/2019 LER MAIS

O filme mais negro de Thor chegou ao Canal Hollywood

Se ainda não estás convencido é simples: como é que no próximo ano vais querer ver um dos mais antecipados filmes de todos os tempos – o quarto filme d’ Os Vingadores –, sem te pores a par?

29/3/2019 LER MAIS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *