Atualidade

Os filmes que inspiraram La La Land

10 Maio 2017

La La Land: Melodia de Amor (2016) foi um dos filmes preferidos na corrida aos Oscares deste ano, apesar do erro cometido na cerimónia, que vai certamente deixar este filme e Moonlight (2016) para a história como alvos de uma das piores gaffes do cinema: a troca do vencedor do prémio mais esperado do ano.

imagem-de-la-la-land

Problemas à parte, diz-se que La La Land trouxe de novo o musical para a ribalta e, mais do que isso, re-inventou o musical do séc. XXI, mostrando como o amor e a música são duas faces da mesma moeda, ainda que neste filme pouco tenha sido deixado à sorte. O par romântico já o conhecemos bem: Emma Stone tem sido muito acarinhada por Hollywood e de Ryan Gosling o mesmo se pode dizer.

Se para ti o longo passado do género musical ainda está por descobrir, facilmente poderão passar-te ao lado as múltiplas referências feitas aos seus antecessores num filme que é, também, uma grande homenagem. 

Para começar, o filme é uma espécie de remake d’Os chapéus de chuva de Cherbourg, um musical francês colorido e bem dramático, ou não fosse o realizador assinar como Jacques Demy. Aliás, Damien Chazelle admitiu em público a admiração pelo francês da nova vaga, e em ambos podemos ver o fascínio pelos musicais da velha Hollywood, com os rodopios, os grandes números altamente coreografados e as canções de amor cantadas debaixo de chuva.

Por falar em precipitação, Canção à Chuva (1952), o tão conhecido Singin’ in the Rain, é um dos filmes referenciados quase passo por passo, numa cena adorável entre Mia e Sebastian, o nosso casal às avessas.

Ela quer ser atriz, ele quer dedicar-se ao jazz “a sério”, e se isto não te faz lembrar as atribulações do amor vs. ambição que pudemos ver em New York, New York (1977), então vai a correr ver este clássico de Martin Scorsese.

De resto, a lista é imensa: West Side Story (1961), Um americano em Paris (1951), os filmes de Fred Astaire e Ginger Rogers, As donzelas de Rochefort (1967)… Damien Chazelle aprendeu com os melhores, sacou das cartas, baralhou e deu de novo. E gostámos todos do jogo que nos foi posto à frente.

Arrepia-te com estes possíveis crimes de Hollywood

Destes quatro acontecimentos, só um está mesmo confirmado, mas os outros três ainda hoje movem pessoas que tentam provar que não há fumo sem fogo e que por vezes as coisas não têm nada de inocente.

10/5/2017 LER MAIS

Entre vilões e heróis, será que sabes quem são estas estrelas do mês?

Para nós cinéfilos, são sempre heróis, mas no grande ecrã as nossas Estrelas do Mês tanto podem ser o mais forte herói ou o mais terrível vilão. Consegues adivinhar a personagem heroica ou vil que cada um destes atores interpretou na tela?

10/5/2017 LER MAIS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *